Mundo Empresarial

[Mundo Empresarial]
[Mundo Empresarial]

Cursos rápidos e livres é conceito de escola de culinária no interior de São Paulo

[Cursos rápidos e livres é conceito de escola de culinária no interior de São Paulo]

Cozinhar requer, no mínimo, algumas habilidades como paciência e dedicação. Para quem não é profissional ou não tem o hábito de botar a mão na massa na cozinha, algumas situações como preparar um almoço ou jantar para os amigos, por exemplo, torna-se uma tarefa um pouco difícil. E foi pensando exatamente nesse público que nasceu em Campinas, no interior de São Paulo, a Lecodê Escola de Culinária.

A empresária Tuany Zotareli é quem comanda as aulas, que são leves, descontraídas e com muito aprendizado. Os cursos têm temas específicos, que vão do básico, para quem vai morar sozinho e não tem nenhuma intimidade com o fogão, até temas mais elaborados, para quem dar um up nos dotes que já possui. “São cursos livres, de duração de três horas e meia, com diversas temáticas como confeitaria, massas, panificação, vários temas da gastronomia”, contou.

Todo material e ingredientes usados nas aulas são responsabilidade da Lecodê. Os alunos utilizam uma cozinha de verdade, com uma estrutura completa para que façam na prática o que foi aprendido. E a melhor parte é que os pratos são experimentados ali, na hora! A empresária afirma que geralmente quem faz o primeiro curso, volta para complementar aquele tema ou aprender um novo.

Homens, mulheres, não profissionais, profissionais, jovens, todo mundo é bem vindo e pode participar. Mas o que a empresária e chefe deseja para um futuro próximo, é poder ensinar também os baixinhos: “A gente pensa em expandir a escola e montar uma cozinha específica para dar aulas para crianças”.

Gostou? Para saber como se inscrever, veja a reportagem completa no link https://www.youtube.com/watch?v=ZSg67Dup3xs&t=109

[Amanda Roventini]

Por Amanda Roventini

Amanda é jornalista, tem 25 anos e desde 2015 faz parte do time de conteúdo do Mundo Empresarial.

Comentários