Mundo Empresarial

[Mundo Empresarial]
[Mundo Empresarial]

De simples lanchonete à franquias conheça a história da Carol Coxinhas

[De simples lanchonete à franquias conheça a história da Carol Coxinhas]

Empresária traz inovações ao setor alimentício e se destaca no mercado de franchising nacional

A história da Carol Martineli é daquelas que inspiram qualquer um e faz com que a gente bote fé na frase que diz que todo esforço um dia tem recompensa. A empresária iniciou no mundo dos negócios com a aposta de reerguer uma lanchonete em sua cidade. O apoio do marido fez toda a diferença e em pouco tempo o casal conquistou muitos clientes. Foi assim que a coxinha mais amada do Brasil nasceu e com ela a marca de franquias que leva o nome da criadora, a Carol Coxinhas.

A empresa tem apenas três anos de vida, mas já conquistou muitos fãs por aí. Atualmente são 40 lojas espalhadas pelos estados de São Paulo, Minas Gerais e Bahia, totalizando mais de 4 milhões de salgados vendidos todos os meses. E não é para menos, o cardápio é delicioso e mantém um padrão de qualidade que é regra básica em todas as lojas da Carol Coxinhas, já que a própria empresa se responsabiliza pela fabricação e distribuição dos produtos: “Isso faz com que o produto que você come em Minas, é o mesmo que você come em São Paulo e é o mesmo que você come na Bahia”, contou.

Entre as delícias estão os minis salgados tradicionais que são fritos na hora e também os diferenciados, como a baconxinha e o coxibe. E tem opção até para quem não come carne, viu? Basta pedir a coxinha vegana, que é recheada com brócolis e leva uma massa toda especial. Para os amantes de doces, as morangoxinha, chocoxinha e os coximousses de maracujá e limão são um sucesso. Há também uma grande variedade de churros gourmet, com recheios e coberturas caprichadas. E além disso tudo estão disponíveis porções de batatas e filézinhos de frango fritos. Dá para agradar qualquer paladar, não é mesmo?

Os planos da marca são de expansão, com o objetivo de alcançar todos os estados brasileiros. Se você se interessou pelo formato, o investimento é a partir de 165 mil reais, com layout adequado e primeiro estoque incluso. Quem entra para esse time não se arrepende, como contou a mais nova empresária Franciele Pereira, fraqueada de Mogi Guaçu: “Gostei muito de ter essa oportunidade. Estou adorando trabalhar com a Carol Coxinhas”.

Confira a reportagem completa.

[Amanda Roventini]

Por Amanda Roventini

Amanda é jornalista, tem 25 anos e desde 2015 faz parte do time de conteúdo do Mundo Empresarial.

Comentários